• Patrimônio edificado e ideologia modernista: problemas de intervenção em sítios históricos degradados

    Author(s):
    Pedro P. Palazzo (see profile)
    Date:
    2012
    Subject(s):
    Historic preservation, Modernism
    Item Type:
    Book chapter
    Permanent URL:
    https://doi.org/10.17613/v3vf-b603
    Abstract:
    A prática de preservação patrimonial no Brasil representa um recorte parcial da teoria patrimonial tal como esta foi constituída nas convenções internacionais e nas práticas européias e norte-americanas, com forte ênfase numa teleologia histórica. Partindo desses precedentes, estudaram-se os marcos teóricos que têm informado a preservação do patrimônio material imóvel, com conseqüências para as identidades profissionais que se constituem em torno da prática de preservação e do patrimônio preservado. As cartas patrimoniais, bem como as boas práticas da preservação do patrimônio, devem ser mais amplamente discutidas no que se refere a diferentes graus de deterioração de sítios urbanos e ao conceito de autenticidade histórica. Questiona-se uma interpretação abusiva da Carta de Veneza, contrapondo-se a esta as disposições de outras cartas patrimoniais mais recentes.
    Metadata:
    Published as:
    Book section    
    Status:
    Published
    Last Updated:
    1 week ago
    License:
    All Rights Reserved
    Share this:

    Downloads

    Item Name:pdf palazzo-patrimonio_edificado_e_ideologia_modernista-2012.pdf
     Download View in browser
    Activity: Downloads: 0