• As três missas de Duarte Lobo sobre motetes de Francisco Guerrero no Liber Missarum de 1621: Uma visão analítica do seu processo de construção

    Author(s):
    Luís Henriques (see profile)
    Date:
    2015
    Subject(s):
    Historical musicology
    Item Type:
    Thesis
    Institution:
    Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
    Tag(s):
    17th Century, mass, Parody mass, polyphony, Liber Missarum
    Permanent URL:
    http://dx.doi.org/10.17613/M6J953
    Abstract:
    Duarte Lobo foi um dos compositores portugueses que, no seu tempo, mais se distinguiu internacionalmente. Dele foram impressos quatro volumes de música na conhecida Oficina Plantiniana de Antuérpia, uma das mais conceituadas casas de impressão europeias. Em Portugal ainda fez imprimir na Casa Craesbeeck duas edições de cantochão. Contudo, é um dos poucos compositores portugueses cuja obra não foi editada em tempos modernos. Apesar de já terem sido editadas algumas obras do Liber Missarum de 1621, a identificação em Maio de 2012 de um volume deste livro de missas na Sé de Angra, conduziu à transcrição de três missas-paródia deste livro, que utilizam como modelo motetes do compositor espanhol Francisco Guerrero. Partindo da relação entre cada um dos modelos e respectivas missas pretende este estudo contribuir para uma melhor compreensão dos processos de imitação e emulação ainda utilizados pelos compositores portugueses no início do século XVII, centrando-se na análise do processo de composição presente nas três missas de Duarte Lobo, enquadrando-os no contexto ibérico da imitação de mestres conceituados como Francisco Guerrero e Cristóbal de Morales e a influência que estes tiveram nas gerações seguintes, onde se inclui Duarte Lobo.
    Notes:
    MA Thesis
    Metadata:
    Status:
    Published
    Last Updated:
    2 months ago
    License:
    Attribution-NonCommercial

    Downloads

    Item Name: pdf as_tres_missas_de_duarte_lobo.pdf
      Download View in browser
    Activity: Downloads: 24